Alimentação saudável e expressão de carinho numa só lancheira

/, Vida no Medianeira/Alimentação saudável e expressão de carinho numa só lancheira

“Meu lanchinho, meu lanchinho
Vou comer, vou comer
Pra ficar fortinho, pra ficar fortinho
E crescer, e crescer”

Fotos: @seliganamae

 

A hora do lanche é um dos momentos mais esperados pelos estudantes, mas o preparo da lancheira não é uma tarefa simples: a escolha dos alimentos exige cuidados específicos, além de criatividade na hora do preparo e da montagem final – e tudo isso sem perder a praticidade no dia a dia. Os cuidados com a alimentação na escola podem colaborar para o aprendizado, estimulando o raciocínio e a memória, garantindo energia e disposição na rotina diária dos estudantes.

Segundo a Nutricionista Marina Katz, a oferta de alimentos nutritivos e das vitaminas necessárias para cada faixa etária promove a saciedade até a próxima refeição, evitando que a criança tenha muita fome, ficando irritada ou fique beliscando guloseimas. “É essencial entender que o lanche escolar faz parte da alimentação habitual da criança e não deve ser visto como um momento de exceção, em que as guloseimas podem ser totalmente ‘liberadas’. As crianças devem ter uma rotina para se alimentar”, aponta.

No Colégio Medianeira, existe a atenção com relação ao preparo dos alimentos dos estudantes. O lanche pode conter comidas gostosas, sim, mas deve ser rico no que diz respeito ao teor nutricional dos alimentos. E essa preocupação também faz parte da rotina das famílias.

Ana Kishino, mãe do estudante Felipe Mendes Kishino, do Infantil 5F, por exemplo, afirma que o preparo do lanche de seu filho não é uma obrigação, mas um momento de prazer. “O preparo da lancheira é um gesto de carinho. Eu digo pra ele que a lancheira é uma forma de eu estar perto dele porque, junto com a comida, eu mando mensagens. Então, essa é uma forma de você estar junto com a criança, de ela se sentir acolhida, protegida…”, relata.

De acordo com a mãe, a ideia de incrementar a comida surgiu porque seu filho não tinha o hábito de experimentar novos alimentos e, por isso, se recusava a comer frutas e verduras. Para tentar resolver o problema, ela começou a criar lanchinhos divertidos. “Eu comecei mandando um olhinho na banana… ele achou super legal e, quando eu vi, já estava fazendo tudo nesse estilo. Então ele aprendeu a, pelo menos, experimentar. Por isso surgiu esse lado lúdico”, conta.

Além disso, a ideia da lancheira divertida inspira outras famílias. Junto com a questão emocional, o preparo de alimentos saudáveis é uma preocupação crescente dos pais. E, percebendo que a questão da saúde é um fator de grande importância nos dias atuais, a mãe de Felipe resolveu criar um perfil no Instagram (@seliganamae), com o objetivo de influenciar os demais. Ana afirma que os resultados dessa iniciativa são positivos e o retorno recebido é sua recompensa! “Eu recebo muitas mensagens de outros pais contando sobre o preparo de um lanche diferente para seus filhos e isso é muito legal porque é uma forma de os pais dedicarem uns minutos aos filhos, principalmente nessa correria do dia a dia”, finaliza.


Foto: Wagner Roger

A Nutricionista Marina Katz separou algumas dicas que podem ajudar a planejar uma lancheira saudável, prática e simples:

  • Procure oferecer alimentos mais naturais como frutas, vegetais, pães, bolos, queijos, castanhas, sementes e iogurtes (fonte de cálcio), deixe as guloseimas e os industrializados para de vez em quando;
  • Inclua alguma fonte de carboidrato, como pães, torradas, bolos, tortas e biscoitos, que irão garantir energia suficiente para o estudante se manter concentrado nas aulas e brincar;
  • Manteiga, azeite, castanhas, sementes, pasta de amendoim (ou outra oleaginosa) são exemplos de alimentos nutritivos e fontes de gorduras boas, fornecem muita energia e saciedade, por isso também são bem-vindos na lancheira;
  • Troque gradualmente o suco de caixinha (rico em açúcares e corantes) pela fruta in natura, que é rica em fibras. Isso é interessante para estimular as crianças a consumir frutas (opte pelas frutas da época);
  • Inclua uma garrafinha de água para estimular o hábito com relação à bebida;
  • Sempre respeite a fome e a saciedade de cada um.

Além disso, a profissional separou algumas combinações que podem ajudar a planejar esse tipo de lancheira:

  • Pãozinho com queijo, orégano e tomate + fruta;
  • Iogurte + morangos + castanha de caju;
  • Bolo caseiro + leite + fruta;
  • Queijo em cubinho + biscoitinho de aveia + fruta;
  • Pastelzinho de forno com carne + fruta;
  • Torta de legumes + fruta.

By | 2019-09-23T11:27:08+00:00 setembro 6th, 2019|Notícias, Vida no Medianeira|Comentários desativados em Alimentação saudável e expressão de carinho numa só lancheira